Geoparque de Arouca

Geoparque de Arouca

Poucos deverão ter ouvido falar dos Icnofósseis do Vale do Paiva, mas concerteza que muitos conhecem as Pedras Parideiras, ou as Trilobites gigantes localizadas em pleno Geoparque de Arouca.

Este parque, reconhecido pelo seu Património Geológico de relevância internacional, tem um total de 41 geossítios que pode visitar, assim como outros pontos de interesse culturais e ambientais.

pedras parideiras

Pedras Parideiras

Atividades

Os 3 grandes objetivos de um geoparque são a geoconservação, a educação ambiental e o turismo. No que diz respeito ao turismo, se é adepto das caminhadas, esta região é riquíssima em percursos pedestres (tendo 13 percursos sinalizados à disposição), sendo um dos mais emblemáticos o PR 7 – Escarpas da Mizarela.

Quanto a desporto aventura, não faltam pretextos para visitar este geoparque. O Rio Paiva é conhecido com um dos melhores rios da Europa para a prática de Rafting e de Kayak.

Se pretender um fim de semana mais descansado, pode sempre optar por visitar as aldeias tradicionais espalhadas pela serra de Arouca, como por exemplo a aldeia de Alvarenga, conhecida pelo seu bife retirado da melhor carne arouquesa. O Mosteiro de Arouca, datado do século X e localizado na Vila, é também merecedor de visita, especialmente porque é um dos melhores museus de Arte Sacra da Península Ibérica.

Esta região é também bastante rica em termos gastronómicos. A vitela assada arouquesa é o ex-libris da região, mas também o cabrito assado da Gralheira e os doces conventuais como as castanhas doces, as barrigas de freira ou os charutos de amêndoa fazem as delícias dos mais gulosos. E não esquecendo o famoso pão-de-ló de Arouca, este pertencente já à doçaria tradicional da terra.

Arouca Doces

Foto  retirada do blog GastandoSola

Foto retirada do blog GastandoSola

Como chegar

Autocarro – em várias cidades do país poderá apanhar um autocarro da Transdev que assegura a ligação até Arouca, com eventuais transbordos a meio do percurso. Consulte o seu site para mais informações.

Carro – Vindo do Norte, pela A1,  saia em Stª Maria da Feira para o IC2 em direção a Stª Maria da Feira – Vale de Cambra. Siga depois as indicações para a Carregosa/ Chão de Ave/ Arouca.

Vindo do Sul, pela A1 sentido Lisboa – Porto, deve sair em Estarreja e seguir depois as indicações para Oliveira de Azeméis/ Vale de Cambra/ Chão de Ave/ Arouca.

Para conhecer mais sobre o GeoPark de Arouca aceda aqui ao seu site.